Logo

Artigos - Visualizando artigo

OBRIGATÓRIA, EMPRESAS DEVEM APRESENTAR A ESCRITURAÇÃO E DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS.

A escrituração contábil, nome que a legislação escolheu para expressar o ato de se efetuarem os lançamentos em contas e posteriormente compilados em livros e fichas, realizada regularmente é o principal instrumento de controle e gestão do patrimônio de qualquer empresa e sua demonstração é obrigatória.
 
Todas as entidades, independentemente do seu porte e da forma de tributação a qual se enquadra, com exceção do Microempreendedor Individual (MEI), têm obrigatoriedade de apresentar a escrituração e as demonstrações contábeis.
 
Além da questão da fiscalização, a escrituração e as demonstrações contábeis são primordiais em vários processos pelos quais uma empresa pode vir a se submeter, como o caso de falecimento de algum sócio, de uma recuperação administrativa judicial, que permite a manutenção do emprego dos trabalhadores desta empresa e dos interesses dos credores, promovendo, assim, a preservação da empresa, sua função social e o estímulo à atividade econômica frente a uma crise econômica-financeira; assim como em processos de dissidência societária entre outros.
 
O conjunto completo de demonstrações contábeis inclui:
- Balanço patrimonial (BP) ao final do período;
- Demonstração do resultado do exercício (DRE);
- Demonstração do resultado abrangente do período (DRA);
- Demonstração das mutações do patrimônio líquido (DMPL);
- Demonstração dos fluxos de caixa do período (DFC);
- Nostas explicativas (NE), compreendendo um resumo das políticas contábeis siginificativas e outras informações explanatórias; e
- Demonstração do valor adicionado ao período (DVA).
 
Fique atento e em caso de dúvida procure seu contador.

Voltar


Compartilhar

Todos os direitos reservados ao(s) autor(es) do artigo.

topo site